Votorantim atinge 516 casos de coronavírus em três meses

Publicado em 01/07/2020

De 31 de março até 30 de junho, a cidade de Votorantim atingiu 516 casos confirmados e 20 óbitos por causa do coronavírus. A idade das vítimas fatais varia de 32 a 92 anos, sendo que a maioria tem mais que 60 anos. Durante este período, a cidade recebeu quase 2 mil notificações suspeitas, sendo que 145 aguardam resultado do Instituto Adolfo Lutz.

De acordo com o balanço divulgado pela Secretaria da Saúde (Sesa), no dia 30 de junho, dos casos confirmados 330 pessoas já se recuperaram, 29 estão internadas – sendo 7 na unidade de tratamento intensivo (UTI) – e 137 em isolamento domiciliar.

Em um mês, o número de casos no município aumentou 251% e o de óbitos 100%. O aumento dos dados e a diminuição dos leitos nos hospitais da região fizeram com que o munícipio regredisse para a fase mais restrita do “Plano São Paulo”, a fase vermelha. A Sesa orienta que a população permaneça em suas residências, saindo apenas se necessário. Idosos e pessoas do grupo de risco devem pedir ajuda para seus familiares, amigos ou parentes próximos.

Outra recomendação é que os munícipes evitem tocar olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas e cubram o nariz e a boca com um lenço ou o cotovelo ao tossir e espirrar.

 

Máscaras de proteção 

A partir de hoje (1º de julho), quem for flagrado sem máscara em áreas públicas será multado no valor de R$ 500. A medida foi anunciada pelo governador João Doria, no dia 29 de junho, e a fiscalização terá o apoio das prefeituras municipais.

Quem desrespeitar a determinação terá que apresentar seus documentos para a emissão da multa. Em caso de resistência, a Polícia Militar poderá ser acionada. “A responsabilidade é da Vigilância Sanitária dos estados e municípios. Se houver necessidade, a vigilância poderá recorrer à PM ou a Guarda Civil Municipal”, declarou Doria.

Também será aplicada multa no valor de R$ 5 mil aos estabelecimentos comerciais que estiverem com pessoas sem máscaras. O estabelecimento deverá fornecer o item para permitir a entrada dos clientes que estiverem sem.

O valor integral arrecadado com as multas será destinado ao programa “Alimento Solidário”, para a aquisição das cestas e distribuição às pessoas em estado de pobreza.

O uso de máscaras em locais públicos é obrigatório desde o dia 7 de maio.

Informações:

Horário de atendimento:
De segunda a sexta-feira, das 8h às 17h


Sede Apevo:
Rua Antônio Fernandes, 50 – Centro – Votorantim – SP

Telefones: (15) 3243-2410 | (15) 3353-8080


Unidade de Saúde Apevo:
Rua Sebastião Lopes, 97 – Centro – Votorantim – SP

Telefone: (15) 3353-9800